quinta-feira, 27 de novembro de 2008

TIR

Dois inocentes rapazinhos, só indiciados, aliás, em cerca de 50 processos a decorrer na (in)justiça, foram apanhados, em flagrante, a assaltar uma carripana, detidos pela GNR e presentes a tribunal, de onde saíram, passadas poucas horas, em liberdade e com Termo de Identidade e Residência.

Caros rapazotes: o Sempre a Produzir, na pessoa do seu autor, alia-se à vossa viva voz. Não desistam! Dêem largas a esse dom que Deus nosso Senhor vos deu e continuem a fazer o que de melhor sabem.

Usufruam bem dessa merda do TIR para brincar ao gato e ao rato com a autoridade e aproveitem para gamar o carro do procurador ou juiz ou o raio que o parta que vos deixou sair em liberdade.

Se assim continuarem, sem recurso à violência e limitados a surripiar meia dúzia de auto-rádios e umas caranguejolas andantes, daquelas em fim de vida, para transformar em peças, terão, com certeza, o apoio da muita populaça ávida por trazer à praça pública a verdadeira palhaçada que é a (in)justiça cá do burgo.

1 comentário:

scas disse...

Agradeça-se ao novo CPP* e às ilustres mentes laivadas de rosa pseudo-socialista que o mandaram cá para fora!

* CPP - Código do Processo Penal, e tb pode ser conhecido como Casa Pia e Portucale, atendendo aos processos nos quais as alterações introduzidas ao dito visam interferir directamente...