sábado, 2 de setembro de 2006

Telenovelas

Numa destas noites fui encontrar a minha mulher absorta a ver o último episódio duma das novelas Brasileiras que passam na nossa televisão.

Coisa rara porque, cá em casa, este tipo de programação não faz parte das preferências familiares.

Sentei-me um bocado a fazer-lhe companhia e pude apreciar as actuações, intensas e magníficas, de actores sobejamente conhecidos, como Lima Duarte e Tony Ramos.

Actuações com “A” grande, desempenhadas por actores, também eles com “A” grande, que, com grande simplicidade e profissionalismo, vivem cada momento como se da vida real se tratasse. Fora de série!

Depois, cometemos o erro de mudar de canal e demos de caras com uma merda qualquer “made in Portugal”.

Actuações com “a” minúsculo, desempenhadas por actores com “a” ainda mais minúsculo que, pura e simplesmente, não conseguem, de uma maneira natural e minimamente convincente, dar vida aos papéis que desempenham. Uma verdadeira vergonha!

1 comentário:

Coluna Cisco disse...

Completamente de acordo. Mas também há bons actores em Portugal. Especialmente aqueles de gerações mais antigas.