quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Tapeçaria a alta velocidade

As histórias das “mil e uma noites”, tipo Ali Bábá e os 40 ladrões, continuam a fazer as delícias da populaça mundial, graúda e miúda.

A prová-lo está a crença estúpida de alguns cientistas norte-americanos que dizem que, em teoria, é certo, um tapete poderia erguer-se do chão e voar alguns metros.

Teria, com toda a certeza, que ser um tapete telecomandado, já que não poderia transportar o faquir por causa do impacto dumas certas vibrações aplicadas à tapeçaria necessárias para o voo.

Talvez adaptar ao tapete um motor, daqueles mais pequenos e com pouca potência…

1 comentário:

Mac Adriano disse...

Os cientistas norte-americanos são uma espécie de teóricos da educação portugueses: têm de estar sempre a inventar umas balelas para ganharem dinheiro e para que os continuem a achar úteis.