quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Mugabe contra todos - II

Continuam a aparecer vozes que defendem a não participação de Robert Mugabe na Cimeira União Europeia / África que se avizinha.

Desta feita, a opinião foi emitida pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros de Espanha que diz ainda ter esperança que Mugabe não apareça em Lisboa.

É interessante verificar que, nas declarações à imprensa, o Sr. Moratinos usa a expressão “Todos preferimos que não participe”, o que significa que os países da UE estão unidos no que se refere ao assunto presença Mugabe na cimeira e suas possíveis consequências nefastas.

Todos, sim, mas há sempre quem queira ser diferente, seja pela positiva ou pela negativa, ou por ser mais ou menos esperto que os outros, ou por não conseguir ver o que é mais evidente, ainda que essa evidência lhe esteja a fazer cócegas na ponta do nariz e que hajam diversas outras vozes a reafirmá-la.

Refiro-me, obviamente, ao Sr. Sócrates, para quem a cimeira já é um sucesso, pelas presenças confirmadas, mesmo tendo em conta que alguns países não se verão representados ao mais alto nível, devido, digo eu, à questão Mugabe, ao contrário do que o primeiro-ministro afirmou, numa tentativa de nos fazer rir, querendo que a populaça acredite que alguns dos seus amigos não vêm porque é complicado viajar até Lisboa duas vezes, num curto espaço de tempo, e aproxima-se a assinatura dum tratado, a 13 de Dezembro.

Balelas!

1 comentário:

PRS disse...

Entretanto um artigo de Durão Barroso é manipulado em Harare:

http://opoderdegrayskull.blogspot.com/2007/12/artigo-de-duro-barroso-manipulado-no.html